Últimas

Marcito faz investimentos na Usina e amplia equipes de tapa-buracos

A Prefeitura de Ji-Paraná concluiu a instalação dos tanques de armazenamento de materiais utilizados na produção de asfalto. A Usina Municipal possui agora uma autonomia maior na fabricação de CBUQ, com capacidade para 150 toneladas de material betuminoso, 150 toneladas de CM30 impermeabilizante e 80 toneladas de emulsão asfáltica.

A intenção é melhorar a performance e agilizar a resposta dada às demandas da população com os serviços regulares de tapa-buracos. Além do aumento na capacidade dos reservatórios, a prefeitura também ampliou o número de integrantes das duas equipes que executam os serviços pela cidade.


Ao todo são nove tanques instalados, sendo três utilizados para fabricação e seis como reservatórios. A vantagem principal é que a prefeitura passa não depender tanto de prazos para a entrega dos produtos, podendo planejar melhor suas operações de produção e execução dos serviços.

Todo esse material, explicou o secretário municipal de Obras, Cleber Littg, chega a Ji-Paraná vindo de Manaus e, possui uma logística demorada que envolve tráfego fluvial, levando vários dias de balsa para chegar à cidade. Por isso, a necessidade da prefeitura ter reservatórios adequados para armazenar grande quantidade do produto.

O Prefeito Municipal, Marcito Pinto (PDT), informou também que todo o pátio da usina foi reorganizado, aumentando a área de depósito de materiais pesados. A estratégia é otimizar espaços, ampliando as área de armazenamento de pedras, brita, pó de brita, tubos, madeira para que haja um controle maior do estoque da secretaria de obras.

“Toda essa organização nos dá um controle maior sobre o que compramos e utilizamos nas obras executadas na cidade. Nossa intenção com essa nova estrutura é a de termos uma regularidade maior com os nossos serviços diários”, concluiu Marcito.

Decom