Últimas

Seduc abre mais de quatro mil vagas para novos alunos em Ji-Paraná e região

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) abriu 4.321 vagas para novos alunos que desejar estudar na rede pública estadual a partir deste ano. A pré-matrícula já está aberta pela internet no endereço eletrônico http://matricula.seduc.ro.gov.br/ e segue até sexta-feira (27). As vagas são para abrigar os estudantes nas escolas estaduais instaladas em Presidente Médici, Alvorada, Urupá e Ji-Paraná.

O estudante interessado em migrar da rede particular, municipal ou de outro estado brasileiro, deve formalizar a pré-matrícula no site da Seduc, ocasião em que será gerado um protocolo. Após 24 horas, com o protocolo e documentação exigidos no ato da pré-matrícula em mãos o aluno, pai ou o responsável  deverá se dirigir à escola escolhida para efetivar a matrícula.

O coordenador regional de educação em Ji-Paraná, professor José Antônio de Medeiros Neto, alerta os interessados sobre a importância de efetuar a matrícula dentro do período programado evitando transtornos de última hora. “É preferível que a matrícula online seja feita o quanto antes evitando congestionamento nos últimos dias. Mesmo, assim, ainda que o candidato a vaga por alguma razão não tenha conseguido se matricular dentro da programação prevista, garantimos o acolhimento dele em uma das escolas da rede”, informa o coordenador regional.

Os documentos de identificação do aluno são: declaração de escolaridade ou transferência da escola anterior, carteira de identidade, certidão de nascimento, CPF, comprovante de endereço e carteira de Bolsa Família, quando for o caso. A pessoa que não tiver acesso à internet deve ir diretamente à escola na data específica em janeiro e munida dos documentos. A rematrícula dos alunos veteranos ocorre automaticamente. As aulas estão programadas para iniciar no dia 6 de fevereiro na rede estadual de educação.

A proposta da Seduc é promover maior agilidade no atendimento ao público pondo fim ao desconforto da pessoa interessada em vaga na rede estadual de ensino em pernoitar em filas nas portas das escolas.

Texto: Paulo Sérgio
Fotos: Paulo Sérgio
Governo de Rondônia